Indústria, Comercio e Turismo

Responsável: Nilton Soares Evangelista

Telefone:(62) 3337-1538

Endereço: Rua Senador Canedo Nº 619, Centro , 75190-000, Leopoldo de Bulhões - Goiás

Horário de Funcionamento: 08:00 ás 11:00 e 13:00 ás 17:00

 

Compêtencias:

Art. 38 A Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo, órgão de direção superior,  compete a execução das atividades de Indústria, Comércio e Turismo, compreendendo:

I - promover a execução de planos e programas de incentivo as atividades de Indústria e Turismo do Município;

II - estudar e sugerir propostas de incentivo, visando à melhoria do turismo no Município;

III - promover a organização de projetos e programas para o desenvolvimento do setor industrial, comercial e prestador de serviço;

IV - promover e facilitar a instalação de novas empresas no Município;

V - conduzir outros trabalhos relacionados com seu campo de atuação ou que lhe sejam determinadas pelo Prefeito;

 

VI - elaborar normas sobre política, infraestrutura, implantação e expansão comercial do Município;

VII - viabilizar e programar políticas para atrair novas indústrias;

VIII - estabelecer parcerias viabilizando os projetos de economia solidária e de apoio ao empreendedor;

IX - desenvolver ações de planejamento, pesquisa, para o desenvolvimento do Município;

X - fomentar a geração de renda;

XI - elaborar estudos sobre a articulação de todos os ramos de comércio do Município;

XII - promover em conjunto com a Associação Comercial e Industrial, atividades, cursos, treinamentos que visem o aperfeiçoamento técnico;

XIII - promover o desenvolvimento e o censo comercial no Município;

XIV - estudar os mercados existentes e potenciais do comércio do Município;

XV - assistir as empresas comerciais no tocante a adoção de normas técnicas que possibilitem maior produtividade;

XVI - promover o desenvolvimento da mão de obra, especializada para o comércio do Município;

XVII - estimular e orientar a implantação de projetos industriais;

XVIII - elaborar e propor a programação anual de trabalho dos órgãos que lhe são diretamente subordinados.

 

(Lei Municipal n° 657, de 27 de junho de 2014)